Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4477
Title: A Organização das Nações Unidas e a (in)eficácia da mediação de conflitos internacionais, gestão de crises e manutenção da paz : o caso da Bósnia-Herzegovina
Author: Ribeiro, Diana Alexandra de Jesus
Advisor: Pereira, Joana Marisa Castro Azevedo da Rocha
Keywords: Relações Internacionais
Organização das Nações Unidas - Manutenção da paz - Bósnia-Herzegovina
Organização das Nações Unidas - Mediação de conflitos - Bósnia-Herzegovina
Issue Date: 2018
Abstract: Resumo: A guerra da Bósnia-Herzegovina aconteceu após o término da Guerra Fria, sendo considerada o conflito mais longo e violento que ocorreu em território Europeu após a II Guerra Mundial. Neste sentido, ainda hoje existe relevância em compreender as motivações e resultados do conflito armado na Bósnia, integrando o papel da comunidade internacional na resolução do mesmo, e analisar a eficácia das missões de paz conduzidas pela Organização das Nações Unidas (ONU). Para tal, recorre-se a uma revisão da literatura, à análise de dados quantitativos e ainda à realização de duas entrevistas a peritos na temática. Os resultados demonstram a ineficácia operativa das missões de paz levadas a cabo pela ONU em território bósnio. Apesar de atingir alguns dos objetivos propostos – nomeadamente a criação de um estado e a manutenção da paz – a atuação da ONU não foi eficaz no que diz respeito ao auxílio à construção de uma nova Bósnia-Herzegovina, desenvolvida e próspera. As missões de paz da organização não se revelaram objetivamente consistentes.
Abstract: The Bosnia and Herzegovina war happened after the end of the Cold War and it is considered the longest and most violent conflict in European territory after World War II. In this regard, there is still relevance in understanding the motivations and results of the armed conflict in Bosnia, incorporating the international community’s role when it comes to solving it, as well as analyzing the effectiveness of the peacekeeping missions conducted by the United Nations. In order to do so, it is used a review of the literature and quantitative data analysis, and also two interviews with experts on the theme. The results demonstrate the operational inefficiency of the peace missions carried out by the United Nations in Bosnian territory. Although they have attained certain goals – such as the creation of a state and in terms of peacekeeping – the UN has not been effective in helping to build a new, well-developed and prosperous Bosnia and Herzegovina. The organization's peace missions were not objectively consistent.
Description: Exame público realizado em 18 de Fevereiro 2019, às 15h00
Dissertação de Mestrado em Relações Internacionais.
URI: http://hdl.handle.net/11067/4477
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:[ULP-FD] Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de mestrado.pdf
  Restricted Access
Dissertação de mestrado1,16 MBAdobe PDFView/Open Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.