Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/945
Título: O impacto do desenvolvimento sustentável no poder de compra
Autor: Baptista, Manuel
Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável
Desenvolvimento económico
Data: 10-Jul-2014
Resumo: Um dos primordiais contributos deste artigo prende-se com o facto de relacionar a evolução dos Fundos Gerais Municipais per capita com uma série de indicadores de desenvolvimento sustentável, testando a sua correlação com o nível de desenvolvimento económico dos municípios mensurado pelo IPC. Para este efeito, recorreu-se a uma regressão linear múltipla, no programa PASW 18.0, considerando o período de 1999 a 2008. Os resultados desta regressão revelaram que os concelhos menos populosos, com área inferior, mais rurais, com menores Receitas próprias (autonomia financeira), menor número de Projectos municipais da Agenda 21, logo com menores indicadores de Governança, com menores despesas de Gestão dos resíduos na protecção do ambiente, com menores condições de nível de vida, são os que arrecadam maiores níveis de Fundo Geral Municipal (FGM) per capita, mas têm menor Indicador per capita do poder de compra (IPC). Um novo contributo para a área em estudo é o modelo econométrico construído a nível municipal.
Descrição: Lusíada. Economia & empresa. - ISSN 1645-6750. - S. 2, n. 17 (2013). - p. 133-154.
URI: http://hdl.handle.net/11067/945
ISSN: 1645-6750
Tipo de Documento: Artigo
Aparece nas colecções:[ULL-FCEE] LEE, n. 17 (2013)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LEE_n17_7.pdf286,07 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.