Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/893
Título: A estação ferroviária como estrutura da cidade : os três tipos de caminho-de-ferro
Autor: Mendia, Catarina Melo de Castro de, 1990-
Orientador: Hipólito, Fernando Manuel Domingues, 1964-
Santos, José Maria de Brito Tavares Assis e, 1962-
Palavras-chave: Estações de caminho-de-ferro - Portugal
Estações de caminho-de-ferro - França
Estações de caminho-de-ferro - Inglaterra
Caminho-de-ferro - História
Data: 11-Jun-2014
Resumo: A presente dissertação de mestrado propõe-se estudar a dinamização das cidades através de estações ferroviárias. A ideia de estação como condensador social. A dissertação baseia-se no estudo de três obras com três escalas diferentes e de três autores distintos. Estes projectos foram analisados com o intuito de serem entendidas as estratégias de resposta de cada arquitecto perante três situações diversas. O actual estudo está estruturado em três partes distintas. Na primeira pretendemos fazer uma breve contextualização histórica do transporte ferroviário em cada país de cada caso de estudo. A segunda é a análise e o estudo dos três projectos escolhidos. A terceira e última fase é o entendimento do projecto desenvolvido na disciplina de Projecto, durante o programe Erasmus na cidade de Milão.
Descrição: Dissertação de mestrado integrado em Arquitectura, Universidade Lusíada de Lisboa, 2014
Exame público realizado em 4 de Junho de 2014
URI: http://hdl.handle.net/11067/893
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mia_catarina_mendia_dissertacao.pdfDissertação272,59 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.