Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4519
Title: Vinculação e Personalidade em adolescentes
Author: Silva, Márcia Verónica Costa da
Advisor: Oliveira, Joana Serra de
Keywords: Psicologia
Psicologia clínica
Avaliação da personalidade de adolescentes
Teste Psicológico - Questionário de Vinculação ao Pai e à Mãe (QVPM)
este Psicológico - Inventário de Temperamento e Carácter para Adolescentes
Teste Psicológico - Inventory of Parent and Peer Attachment
Issue Date: 2018
Abstract: Resumo: No ciclo vital a adolescência corresponde a um período crítico de grandes mudanças desenvolvimentais e, é também uma fase na qual, independentemente da qualidade da vinculação aos pais, podem ocorrer alterações na qualidade das relações estabelecidas ou na criação de novas relações. Nesse sentido, o objetivo desta investigação foi o de verificar se existe relação entre vinculação dos adolescentes e a Personalidade. Foi utilizada uma amostra não probabilística por conveniência, constituída por 350 adolescentes de escolas do ensino secundário de Amarante e Vila Nova de Gaia. Os participantes incluídos neste estudo tinham idades compreendidas entre os 11 e os 18 anos (M=14,88; DP=1,73), sendo 51,4% (n=180) do sexo feminino e 48,6% (n=170) do sexo masculino. Os participantes inicialmente responderam a um Questionário Sociodemográfico. Foi utilizado para avaliação da personalidade o Inventário de Temperamento e Caráter para Adolescentes, o Inventory of Parent and Peer Attachment e o Questionário de Vinculação ao Pai e à Mãe. Os resultados demonstraram a existência de correlações significativas entre as dimensões da personalidade, em especial as do temperamento, e da vinculação.
Abstract: In the vital cycle, adolescence is a critical period of major developmental changes and it is also a stage in wich, regardless of the quality of the binding to parents, there may be changes in the quality of the relations established or in the creation of new relations. In this sense, the objective of the research was to assess whether there is a relationship between adolescents' attachment to the personality. A non-probabilistic sample was studied for convenience, consisting of 350 adolescents from secondary schools in Amarante and Vila Nova de Gaia. The participants included in this study had ages ranging from 11 to 18 (M = 14.88; SD = 1.73), 51.4% (n = 180) females and 48.6% (n = 170) of the male sex. Participants responded to a Socio-demographic Questionnaire. The instrument used to assess personality was the Junior Character and Temperament Inventory (TCI-J) and the instruments used to assess attachment were the Inventory of Parent and Peer Attachment (IPPA) and the Parenting and Mother Relationship Questionnaire (QVPM). The results indicated the existence of significant correlations between personality dimensions, especially temperament, and attachment.
Description: Exame público realizado em 229 de Março de 2019, às 15H00
Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica
URI: http://hdl.handle.net/11067/4519
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:[ULP-IPCE] Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de mestrado.pdf
  Restricted Access
Dissertação de mestrado2,38 MBAdobe PDFView/Open Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.