Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2407
Título: Sistema de quarteirões permeáveis : para a humanização do centro histórico
Autor: Vieira, Joana Rita Pinto
Orientador: Alves, Francisco Peixoto
Palavras-chave: Arquitectura
Desenho urbano
Quarteirão
Amarante
Centro histórico
Regeneração
Data: 23-Mai-2016
Resumo: Abordamos os centros históricos com foco nas preocupações habitacionais, de forma a perceber o que levou ao declínio destes centros, e o que provocou a sua desertificação de população residente. Abordamos ainda o tema da humanização e o conceito de Quarteirões Permeáveis, ligados à questão habitacional no que se refere aos espaços de transição, entre a rua e a habitação. Por fim analisamos intervenções realizadas em interiores de quarteirões, de forma a desenvolver uma estratégia de intervenção para o centro histórico de Amarante. Analisamos, cronologicamente as preocupações com os centros históricos, percebendo quando surgem as primeiras preocupações com as condições de vida das populações locais e posteriormente analisamos o que levou à desertificação de população residente e qual a importância de devolver habitantes a estes centros. Relacionamos o tema da humanização, com o conceito de quarteirões permeáveis procurando soluções para o problema actual da desertificação, contrapondo com o que se tem feito em alguns quarteirões. Com a informação obtida desenvolvi uma proposta de intervenção para a humanização do Centro Histórico de Amarante, através da introdução de um Sistema de Quarteirões Permeáveis. Percebemos que a função habitacional é importante para o centro histórico na medida em que são estes quem lhes confere identidade e os torna distintos dos demais. Como tal, os interiores dos quarteirões pensados como espaço de transição são importantes para a apropriação de quem ali habita, procurando responder às suas necessidades, através de diversidade funcional. Ao introduzir o Sistema de Quarteirões Permeáveis em Amarante percebemos que cada quarteirão deve oferecer resposta a uma ou mais necessidades, recebendo a função que apoia essa mesma necessidade e interligando-se aos restantes quarteirões com funções distintas. Existe uma natural apropriação dos espaços do centro histórico pela população, quando estas participam nas funções que formam cidade.
Abstract: We have approached the historical centres of towns focusing on their habitational concerns in order to understand what led to the decline of these centres and what provoked their desertification by the resident population. We have also approached the theme of humanization and the concept of Permeable Neighbourhoods, linked to the habitational question in which the transitional spaces between the street and the habitation are referred to. Finally, we analysed interventions that have been made to the interior of neighbourhoods in order to develop an intervention strategy for the historical centre of Amarante. We have analysed chronologically the concerns about historical centres, perceiving when the first concerns about the living conditions of the local populations arose and later we analyse what led to desertification by the resident population and how important it is to return habitants to these centres. We relate the theme of humanization to the concept of permeable neighbourhoods seeking for solutions to the current problem of desertification, contrasting this with what has been done in some neighbourhoods. With the information obtained, I developed a proposal for the humanization of the historical centre of Amarante through the introduction of a System of Permeable Neighbourhoods. We have realized that the habitational function of the historical centre is important in the measure that it is this that confers its identity and makes it distinct from the others. As such, the interior of the neighbourhoods considered to be transitional spaces need to be accessible by the people who live there, seeking to respond to their needs through functional diversity. By introducing the Permeable Neighbourhood System in Amarante we realize that each neighbourhood should offer a solution to one or more needs, receiving the function that supports this same necessity and being interlinked with the remaining neighbourhoods which have distinct functions. The population has a natural access to the spaces in the historical centre when they participate in the functions that form a town.
Descrição: Exame público realizado em 2 Maio 2016.
Dissertação de mestrado realizada no âmbito do Mestrado em Arquitectura.
URI: http://hdl.handle.net/11067/2407
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULP-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao de mestrado.pdfDissertação de mestrado107,81 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.