Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/5569
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorValdeira, Sandra-
dc.contributor.authorFaria, Carina-
dc.date.accessioned2020-06-25T13:20:47Z-
dc.date.available2020-06-25T13:20:47Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11067/5569-
dc.descriptionRevista de psicologia da criança e do adolescente. - ISSN 1647-4120. - V. 10, n. 2 (2019).- p.333-340pt_PT
dc.description.abstractO acolhimento de crianças e jovens tem sido alvo de movimentos de melhoria contínua de forma a dar resposta às necessidades das crianças. Os motivos que levam ao acolhimento da maioria das crianças e jovens prendem-se sobretudo com situações de negligência grave, maus tratos ou abandono por parte dos cuidadores (inclusive dos progenitores) associados muitas vezes à adoção de comportamentos de risco também por parte das próprias crianças ou jovens. Tendo presente esta preocupação, a Casa Pia de Lisboa, tem procurado adotar uma intervenção mais dirigida às necessidades das crianças e jovens, objetivando uma transformação no paradigma do acolhimento, tornando-o cada vez mais um acolhimento terapêutico. Atualmente o acolhimento de crianças e jovens na Casa Pia de Lisboa pretende responder às necessidades emocionais das mesmas, promovendo mudança interna ao nível emocional, comportamental ou social. Pretende-se nesta comunicação, apresentar algumas das ferramentas utilizadas na intervenção diária com as crianças e jovens, com intencionalidade terapêutica e alguns dos indicadores que permitem monitorizar o trabalho desenvolvido, nomeadamente os dados recolhidos anualmente junto das crianças e jovens, relativamente à sua satisfação com o acolhimento na Casa Pia de Lisboa.pt_PT
dc.description.abstractThe institutionalization of children and young people has been improved in the course of time in order to respond to the children needs. The reasons for the residential care for the majority of children and young people are mainly related to situations of negligence, maltreatment or abandonment by caregivers (including their parents), often associated with risk behaviors of children themselves. Having in mind this concern, Casa Pia de Lisboa (CPL) is trying to follow a more direct intervention towards the children needs, in order to change the residential care paradigm, becoming more and more a therapeutic care. Nowadays the residential care at CPL, aims to respond, to the emotional needs of children and young people, promoting the internal emotional, behavior and social change. This communication intend to present some of the tools used in the daily intervention with children and young people, with therapeutic intention and some of the indicators that allow monitoring the work developed, like their satisfaction with the residential care at Casa Pia in Lisbon.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.titleAcolhimento terapêutico na Casa Pia de Lisboa, I.P.pt_PT
dc.title.alternativeTherapeutic residential care in Casa Pia de Lisboa, I.P.pt_PT
dc.typearticlept_PT
Appears in Collections:[ULL-IPCE] RPCA, v. 10, n. 2 (2019)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rpca_v1_n2_2019_22.pdf70 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons