Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4788
Title: Estilos educativos parentais, confiança interpessoal e vinculação aos pais, pares e par amoroso : sua relação numa amostra de adolescentes
Author: Mendes, Leandra Silva
Dias, Maria da Luz Vale
Keywords: Parentalidade
Responsabilidade dos pais - Aspectos psicológicos
Comportamento de vinculação
Issue Date: 2018
Abstract: A presente investigação teve como objetivo principal estudar a relação entre os Estilos Educativos Parentais, a Confiança Interpessoal e a Vinculação aos Pais, Pares e Par Amoroso no período da Adolescência. Considerou-se também oportuno analisar os Estilos Educativos Parentais tendo em atenção diversas variáveis sociobiográficas (idade, género, nível socioeconómico e estado civil parental) e ainda estudar a relação entre a duração da relação amorosa dos adolescentes, os Estilos Educativos e a Confiança Interpessoal. A amostra foi constituída por 170 adolescentes, com idades entre os 12 e os 17 anos. Na recolha de dados foram utilizados: um questionário sociobiográfico; a escala de Crenças Generalizadas de Confiança – Adolescência; a Escala de Estilos Educativos Parentais; o Inventário de Vinculação na Adolescência; e o Questionário de Vinculação Amorosa. Os resultados permitiram constatar a existência de associações positivas significativas entre os Estilos Educativos Parentais e a Vinculação aos Pais, Pares, Par Amoroso e Confiança Interpessoal. Verificou-se que os Estilos Educativos Parentais diferem em função da idade, mas não apresentam diferenças significativas em função do género, nível socioeconómico e estado civil parental. Constatou-se ainda a não existência de uma associação significativa entre a duração da relação amorosa dos adolescentes, os Estilos Educativos e a Confiança Interpessoal. Em conclusão, sublinha-se a importância dos estilos educativos percebidos durante a adolescência.
This investigation seeks to study the relationship between Parental Educational Styles, Interpersonal Trust, and the Attachment to Parents, Peers and to the Loving Couple in the period of Adolescence. It was also considered appropriate to analyse the Parental Education Styles considering several sociobiographical variables (age, gender, socioeconomical status and parental marital status) and to study the relationship between the duration of the loving relationship of the adolescents, the Educational Styles and the Interpersonal Trust. The sample consists of 170 adolescents, aged between 12 and 17 years. Data collection was made using the following instruments: Sociobiographic Questionnaire; the Parental Educational Styles Scale; the Generalized Trust Beliefs Scale-Late Adolescents; the Inventory of Parent and Peer Attachment; and the Romantic Attachment Questionnaire. The results show significant positive associations between Parental Educational Styles and the Parents, Peers and Romantic Attachment, as well as with Interpersonal Trust. Furthermore, it was found that the Parental Educational Styles differ according to the age, but do not present differences according to the gender, socioeconomic level and marital status of the parents. It has also been found that there is no significant association between the duration of a relationship between adolescents, Educational Styles and Interpersonal Trust. In conclusion, the importance of perceived educational styles during adolescence is underlined.
Description: Revista de psicologia da criança e do adolescente. - ISSN 1647-4120. - V. 9, n. 2 (2018). - p. 27-42
URI: http://hdl.handle.net/11067/4788
http://hdl.handle.net/11067/4788
Document Type: Article
Appears in Collections:[ULL-IPCE] RPCA, v. 09, n. 2 (2018)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rpca_v9_n2_2018_5.pdf328,43 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons