Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4652
Title: Ansiedade na adolescência e famílias : um tratamento cognitivo – comportamental em grupo
Other Titles: Anxiety in adoelscence and families : a cognitive – behavioral therapy in group
Author: Parada, Inés
Nunes, Raquel
Ferreira, Pedro Dias
Keywords: Distúrbios de ansiedade - Tratamento
Ansiedade na adolescência
Issue Date: 2018
Abstract: As Perturbações da Ansiedade são das condições mais prevalentes da Saúde Mental, com crescente incidência na idade pediátrica e implicações nas relações intrafamiliares. O tratamento em grupo nestas perturbações, segundo a Terapia Cognitivo-Comportamental (CBT), é uma abordagem empiricamente validada e eficaz, com benefícios da integração das famílias. Avaliou-se a eficácia e manutenção da remissão da sintomatologia ansiosa nos momentos inicial e final do tratamento, e follow-up 6 meses, integrando-se os cuidadores no plano de tratamento. Neste estudo longitudinal e prospetivo participaram oito adolescentes e as suas famílias. 86% do sexo feminino, com idades compreendidas entre 14 e 17 anos (M=17.6; DP=1.06), seguidos na Consulta de Psicologia da Unidade de Medicina do Adolescente do Hospital de Santa Maria. Do protocolo de avaliação consta uma Entrevista Clínica Estruturada (ADIS-C) e questionários de auto (MASC, SCAS, BSQ, CDI e YSR) e hétero - avaliação (CBCL), para sintomatologia ansiosa e/ou depressiva. Com 16 sessões, recorrendo ao Manual de Tratamento, traduzido e adaptado para a população portuguesa, esta intervenção inovou ao integrar uma sessão para cuidadores. Da avaliação inicial da sintomatologia, revelaram-se elevados níveis de Ansiedade Generalizada, Sintomas Somáticos e Medo de Danos Físicos, sintomatologia depressiva moderada, e uma tendência de sobrevalorização da sintomatologia, por parte dos adolescentes comparativamente aos cuidadores. Após análise intra-grupal, verifica-se a remissão progressiva dos sintomas em 71% da amostra clínica. A CBT revela-se como uma alternativa de melhor relação custo-eficácia. O grupo evidenciou a generalização das estratégias de coping adquiridas, com benefício da integração das famílias.
Anxiety Disorders are one of the most prevalence Mental Health conditions, with increasing incidence in the pediatric age and implications in intrafamily relationships. According to Cognitive-Behavioral Therapy (CBT), group treatment for this disorders is an empirically validated and effective approach, with benefits in family integration. We evaluate the efficacy and maintenance of the anxious symptomatology remission at the initial and final moments of the treatment, and at 6-month follow-up, integrating caregivers into this treatment. An longitudinal and prospective study was carried, with eigth adolescentes and families. 86% female, aged 14 to 17 years (M = 17.6, SD = 1.06), followed in the Psychology Consultation of the Adolescent Medicine Unit of Hospital de Santa Maria. The evaluation protocol included a Structured Clinical Interview (ADIS-C), self (MASC, SCAS, BSQ, CDI and YSR) and hetero - evaluation (CBCL) questionnaires, for anxious and/or depressive symptomatology. In 16 sessions, using the Treatment Manual translated and adapted to Portuguese population, this intervention was innovative as we integrated a session with caregivers. On the initial evaluation of the symptomatology, results reveal high levels of Generalized Anxiety, Somatic Symptoms and Fear of Physical Damage, moderate depressive symptomatology, as well as a tendency, by the adolescentes to overvaluate the symptomatology comparatively with the caregivers assessment. After intragroup analysis, we noticed a progressive remission of the symptoms by 71% of the therapeutic group. CBT proves to be a more cost-effective alternative. The group demonstrates the generalization of coping strategies acquired, with large gain in integrating families.
Description: Revista de psicologia da criança e do adolescente. - ISSN 1647-4120. - V. 9, n. 1 (Janeiro-Dezembro 2018). - p. 103-117
URI: http://hdl.handle.net/11067/4652
Document Type: Article
Appears in Collections:[ULL-IPCE] RPCA, v. 09, n. 1 (Janeiro-Dezembro 2018)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rpca_v9_n1_2018_7.pdf380,36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons