Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4592
Title: Relação entre virtudes e idade
Advisor: Moreira, Paulo Alexandre Soares
Keywords: Psicologia
Psicologia clínica
Psicologia positiva
Avaliação psicológica
Teste psicológico - VIA-Youth 96
Teste psicológico - VIA Survey 72
Issue Date: 2019
Abstract: Resumo: Emergência do estudo: Objetivo do estudo: O presente estudo tem como objetivo avaliar a relação que se estabelece entre a idade e as virtudes do ser humano. Metodologia: Participantes: O estudo inclui duas amostras, a primeira constituída por 193 adolescentes, de nacionalidade portuguesa, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 10 e os 17 anos e a segunda, constituída por 513 adultos, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 18 e os 64 anos de idade. Instrumentos: Foram utilizados dois instrumentos para avaliar as virtudes e forças de caráter dos adolescentes e dos adultos: respetivamente, a versão portuguesa do VIA-Youth 96, e a versão portuguesa VIA Survey 72. Procedimentos: Os questionários sobre as virtudes e forças de carácter foram administrados presencialmente e online. Quanto à análise de dados, os mesmos foram analisados com recurso ao software estatístico IBM SPSS Statistics versão 23. Resultados: O nosso estudo permite-nos concluir, numa primeira análise, que entre os 10 e os 17 anos não há relações estatisticamente significativas em termos de virtudes mas sim em termos de forças de caráter. Em relação aos adultos, entre os 18 e os 64 anos de idade, verificam-se relações estatisticamente significativas tanto nas virtudes como nas forças de caráter. Quando analisadas as diferenças entre estes dois grupos, adolescentes e adultos, verifica-se que as virtudes humanidade, coragem e temperança são superiores nos adolescentes e a virtude justiça é superior nos adultos. Ao analisarmos as correlações entre a idade e as virtudes verifica-se que a virtude humanidade apresenta uma associação negativa com a idade, por isso é mais elevada nas pessoas com menos idade, enquanto a virtude justiça apresenta uma associação positiva com a idade sendo, deste modo, mais elevada nas pessoas com mais idade. Por último, os resultados permitem concluir que há relações entre diferentes virtudes. Este resultado é importante porque nos remete para a importância de estimular as virtudes e forças de caráter em qualquer faixa etária, sendo que estas podem ajudar a prevenir desajustamentos psicológicos.
Abstract: Emergence of the study: Aim of the study: The present study aims to evaluate the relationship between age and the virtues of the human being. Methodology: Participants: The study includes two samples, the first consisting of 193 adolescents of Portuguese nationality, of both sexes, aged between 10 and 17 years and the second one, made up of 513 adults of both sexes, aged between 18 and 64 years of age. Instruments : Two instruments were used to assess the strengths and strengths of adolescents and adults: respectively, the Portuguese version of VIA-Youth 96 and the Portuguese version VIA Survey 72. Procedures : Questionnaires on the strengths and strengths of character were administered face-to-face and online. As for the data analysis, they were analyzed using the statistical software SPSS Statistics version 23. Results : Our study allows us to conclude, in the first analysis, that between the ages of 10 and 17 there are no statistically significant relationships in terms of virtues but in terms of strengths of character there are. In relation to adults, between 18 and 64 years of age, there are statistically significant relationships in virtues and the strengths of character. When analyzed the differences between these two groups, adolescents and adults, it is verified that the virtues humanity, courage and temperance are superior in adolescents and the virtue justice is superior in adults. When analyzing the correlations between age and virtues it´s verified that the virtue of humanity has a negative association with age, so it´s higher in people with less age, while virtue justice has a positive association with age being thus higher in older people. Finally, the results allow to conclude that there are relations between different virtues. This result is important because it reminds us of the importance of stimulating the virtues and strengths of character in any age group, and these can help prevent psychological maladjustments.
Description: Exame público realizado em 7 de junho de 2019, às 13H00
Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica
URI: http://hdl.handle.net/11067/4592
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:[ULP-IPCE] Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de mestrado.pdf
  Restricted Access
Dissertação de mestrado4,16 MBAdobe PDFView/Open Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.