Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/4343
Título: Características Psicométricas do Inventário de Envolvimento com a Sustentabilidade Global em Adultos
Autor: Rocha, Rute Soraia Ribeiro
Orientador: Moreira, Paulo Alexandre Soares
Palavras-chave: Psicologia
Psicologia clínica
Avaliação psicológica
Teste psicológico - Escala de Ação Ambiental (EAA)
Teste psicológico - Escala de Identidade Ambiental (EIA)
Teste psicológico - Escala de Relacionamento com a Natureza (ERN)
Teste psicológico - Inventário de Envolvimento com a Sustentabilidade Global (IESG)
Data: 2018
Resumo: Resumo: A questão da sustentabilidade global não pode ser encarada apenas do ponto de vista das ciências biofísicas. A psicologia demonstra-se fundamental nas questões da sustentabilidade global, na medida em que poderá fornecer um quadro teórico robusto para a explicação de diversos fatores da sustentabilidade global, nomeadamente ao nível da explicação das causas humanas no desequilíbrio da sustentabilidade global, pode ajudar na conceptualização e compreensão dos fatores que predizem os comportamentos de não envolvimento nas questões da sustentabilidade global, no desenvolvimento de estratégias de educação ambiental e no desenvolvimento de campanhas de sensibilização, poderá ter uma importância acrescida no desenvolvimento de investigações empíricas sobre esta temática e poderá ser importante na promoção da mudança comportamental. Por outro lado, a American Psychological Association, a EcoAmerica e a American Psychiatric Association têm-se mostrado cada vez mais preocupadas com esta temática e os seus efeitos sobre a saúde mental. Contudo, para que esta investigação seja possível, é necessário o desenvolvimento de escalas que permitam a avaliação do envolvimento com a sustentabilidade global. O objetivo deste estudo foi descrever as características psicométricas do Inventário de Envolvimento com a Sustentabilidade Global (IESG, Moreira, 2017). Neste estudo participaram 513 sujeitos portugueses com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos, de ambos os géneros. Foi encontrada uma estrutura fatorial de seis fatores, três fatores de envolvimento cognitivo, comportamental e emocional e três fatores de não envolvimento cognitivo, comportamental e emocional. O estudo permitiu concluir que existem diferenças, relativamente ao género e ao nível de escolaridade, em relação ao envolvimento com a sustentabilidade global. Foi, ainda, possível verificar, em relação à idade que existe uma correlação positiva com a sub-dimensão envolvimento comportamental e uma correlação negativa com a sub-dimensão envolvimento cognitivo. Podemos concluir que a análise da escala sugere resultados satisfatórios ao nível da validade, sensibilidade e fidelidade, permitindo, desta forma, a sua utilização na investigação e na prática clínica.
Abstract: The issue of global sustainability cannot be seen only from the point of view of the biophysical sciences. Psychology is fundamental in global issues insofar as it provides a robust theoretical framework for identifying one of the factors of global sustainability, namely at the level of the explanation of human causes in the global sustainability imbalance, can help conceptualization by understanding the factors which predict the behavior of disengagement in global sustainability issues, the development of environmental education strategies and the development of awareness campaigns, may be of greater importance in the development of empirical research on this subject and may be important in promoting behavioral change. On the other hand, the American Psychological Association, the EcoAmerica, and the American Psychiatric Association have been increasingly concerned about this issue and its effects on mental health. However, for this research to be possible, it is necessary to develop scales that allow the evaluation of the engagement with global sustainability. The objective of this study was to describe the psychometric characteristics of the Inventário de Envolvimento com a Sustentabilidade Global (IESG, Moreira, 2017). In this study, 513 Portuguese subjects, aged between 18 and 65 years, of both sexes participated. It was found a factorial structure of six factors, three factors of cognitive, behavioral and emotional involvement and three factors of non-cognitive, behavioral and emotional involvement. The study concluded that there are differences in gender and level of schooling in relation to the involvement with global sustainability. It was also possible to conclude, regarding the age that is a positive correlation with the sub-dimension behavioral involvement and a negative correlation with the sub-dimension cognitive involvement. We can conclude that the scale analysis suggests satisfactory results in terms of validity, sensitivity and fidelity, thus allowing its use in research and clinical practice.
Descrição: Exame público realizado em 26 de Julho de 2018, às 11H30
Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica.
URI: http://hdl.handle.net/11067/4343
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULP-IPCE] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese.pdf
  Restricted Access
Dissertação de mestrado494,72 kBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.