Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/4291
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPassarinho, Isabel-
dc.date.accessioned2018-09-19T14:19:05Z-
dc.date.available2018-09-19T14:19:05Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11067/4291-
dc.descriptionIntervenção social. - ISSN 0874-1611. - N. 35 (2009). - p. 367-388pt_PT
dc.description.abstractNesta intervenção, num primeiro momento, tenta-se equacionar a institucionalização do serviço Social como profissão que, tendo como uma das referências históricas o pensamento humanitário, assume legitimação profissional plena com o estabelecimento de uma nova relação entre o Estado e Sociedade Civil. Partilha-se a concepção de Chris Rojek (1988) de que a crise cultural do Serviço Social moderno está relacionada com 0 fosso entre a linguagem e 0 significado, entre a representação e a acção, enraizadas numa sociedade que já não existe. Na crise de modelo de sociedade, a privatização e a desregulação são meios de ajustamento estrutural do Estado a nova economia global - um processo simultâneo de globalização e localização com consequências ao nível da perda de legitimidade e autoridade politica e com a erosão do projecto de modernidade, onde a educação como um todo perde a sua orientação (Finger e Asún, 2003:106). Esta realidade, a que alguns autores chamam pós-moderna, tem no individualismo uma característica marcante, quer para a pratica da educação de adultos, quer para a acção social. A comunicação, num segundo momento, procura apresentar um estudo ainda exploratório sobre a formação, com especial enfoque na autoformação, procurando identificar as aprendizagens realizadas nos percursos profissionais dos assistentes sociais, os significados que lhes atribuem e quais os processos das suas construções identitárias.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectAssistentes sociaispt_PT
dc.subjectAssistentes sociais - Formaçãopt_PT
dc.titleA importância dos percursos profissionais na formação contínua e nas construções identitárias dos assistentes sociaispt_PT
dc.typearticlept_PT
dc.peerreviewednopt_PT
Appears in Collections:[ULL-ISSSL] IS, n. 35 (2009)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
is_35_2009_24.pdfTexto integral926,72 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons