Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/3472
Título: Estações ferroviárias, geradores de novos espaços públicos : desenvolvimento do projecto para a Estação Ferroviária de Bovisa
Autor: Sousa, Diana Marisa Silva de
Orientador: Malheiro, Davide Miguel Guimarães
Meriggi, Maurizio
Palavras-chave: Arquitectura
Património arquitectónico
Estações ferroviárias
Espaço público
Edifícios destinados ao transporte, circulação e armazenamento
Itália
Data: 28-Jul-2017
Resumo: A presente dissertação tem corno tema as estações ferroviárias enquanto geradores de novos espaços públicos. A evolução da cidade tem atravessado várias crises paradigmáticas que poderão em parte ser urna consequência das transformações na sua sociedade e da falta de resposta às necessidades exigidas por esta mesma evolução. Torna-se então importante perceber de que forma sucede esta evolução e em que aspetos as práticas de um urbanismo mais sensível e assertivo, associado particularmente aos espaços públicos ligados a estações ferroviárias pode contribuir para um progresso da cidade que se pode estender a vários níveis. É no seguimento desta temática que o estudo se foca em quatro partes principais: na primeira parte, desenvolve-se uma análise sobre a origem e desenvolvimento das estruturas ferroviárias na cidade; numa segunda parte, são abordados os conteúdos referentes ao espaço público associado às estações ferroviárias; numa terceira parte, apresentam-se algumas obras de referência que se tornaram importantes para entender a influência destas infraestruturas no desenvolvimento urbano da cidade, e por último, faz-se a exposição do projeto prático para a estação ferroviária de Bovisa, em Milão. O conteúdo deste projeto fundamenta-se no poder revitalizador que uma interface de transportes pode ter na cidade, nomeadamente através da qualificação e criação dos espaços públicos. Por fim, conclui-se que uma estação ferroviária é muito mais do que um simples nó que recebe e envia pessoas e mercadorias: a sua essência está cada vez mais ligada à vivência dos seus utilizadores e neste contexto toma-se fundamental a sua associação a novos espaços públicos de qualidade que ajudam na dinamização da área integrante e fomentam o seu desenvolvimento concetual e urbano.
Abstract: The the of this dissertation is centered on railway stations as generators of new public spaces. The evolution of the city has undergone several paradigmatic crises that may, in part, be a consequence of the changes in their society and some of those responses to the required needs by this same evolution are missing. It becomes important to understand how this evolution happens and which aspects a more sensitive and assertive urbanism, particularly associated with railway stations and its public space can contribute to an improvement of the city. Considering that, the study focuses on four main parts: an analysis of the origin and development of railway infrastructure in the city, then a second part, examines the contents related to public spaces associated to railway stations; in a third part, we present some reference works that have become important to understand the influence of these infrastructures in the urban development; and in a last part, we expose the practical project for the railway station Bovisa, in Milan. The content of this project is based on revitalizing power that an interface can have in the city, notably through qualifications of public spaces. Finally, it is concluded that a railway station is so much more than a simple node that receives and sends people: its essence is increasingly linked to the experience of its users, and in this context it is very important their association with new quality public spaces that can help in boosting the area and promote the conceptual and urban development.
Descrição: Dissertação de mestrado em Arquitectura.
Exame público realizado em 22 de Abril de 2014.
URI: http://hdl.handle.net/11067/3472
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULP-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de mestrado.pdf
  Restricted Access
7,86 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.