Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/3367
Título: Fixar pela tradição : intervenção em Lamas de Mouro
Autor: Silva, Susana Maria Correia Ferreira da
Orientador: Diogo, Maria do Nascimento Xavier
Rapagão, João Paulo Menezes Dias Pereira
Palavras-chave: Arquitectura
Arquitectura e identidade
Património
Preservação
Património arquitectónico
Reabilitação de edifícios
Património rural
Data: 6-Jun-2017
Resumo: Perante a situação atual, da uniformização e globalização, as aldeias tendem a ficar desertas e a perderem parte das suas características tradicionais. Combater o despovoamento torna-se essencial. A arquitetura em meio rural assume principal destaque pelo facto de possuir, em si, expressas as histórias do passado, e que são hoje fenómeno de admiração, contemplação e fonte de conhecimento para o presente e para o futuro. Assente na interpretação da realidade do dualismo passado e presente (método fenomenológico) e na informação recolhida sobre o território e as temáticas que o envolvem (método dialético), contextualiza-se e descobre-se Melgaço, enquanto identidade coletiva e possuidor de património material e imaterial. Na ânsia de se reabilitarem as tradições aposta-se na recuperação da arquitetura tradicional, na identidade do lugar e gera- se cultura. Tendo por base a cultura, o conhecimento e a ciência interpretativa e reveladora do lugar, a arquitetura assume-se então como instrumento de fixação, garantindo a sobrevivência dos lugares e das memórias, embora estas possam ser reinventadas, recriadas e valorizadas. Geram-se novas dinâmicas e dá-se continuidade ao rural enquanto bem coletivo, tal como suplicado pelas cartas e convenções do património, numa aposta na tradição geradora e apoiada no comunitarismo. Ganha, o rural, uma segunda vida, interpretam-se realidades. E fixa-se. A arquitetura fixa. Permite-se o regresso a casa.
Abstract: Facing current trends of standardization and globalization, small villages tend to became deserted and Jose some of their traditional characteristics. Fighting depopulation becomes essential. Therefore, rural architecture becomes highlighted given the fact that it contains, in itself, the stories of the past, that today are a phenomenon worthy of admiration, contemplation and source of knowledge for present and future. Supported on the interpretation of reality in a past and present duality phenomenological method), on the information gathered on the field and also on the themes that surround them (dialectic method), Melgaço is contextualized and discovered, as a collective identity, possessing material and immaterial heritage. Craving for the rehabilitation of traditions, a bel is made on recovering traditional architecture, on the identity of the location, and so culture is generated. Using as its basis culture, knowledge and interpretative science that reveals the place, architecture therefore becornes an instrument of fixation of the population, thus ensuring the survival of places and memories, even though these can be reinterpreted, reereated and valorized. New dynamics are generated and the rural is preserved as a collective heritage, as pleaded by patrimonial charts and conventions, waging on tradition that generates and is supported by, communitarianism. Rural gains a second life, realities are interpreted, And fixation is achieved. Architecture fixates. It allows for the return home.
Descrição: Dissertação de mestrado em Arquitectura.
Exame público realizado em 16 de Maio de 2013.
URI: http://hdl.handle.net/11067/3367
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULP-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao de mestrado.pdf
  Restricted Access
14,62 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.