Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/3304
Título: Turismo [in]sustentável : organização do fluxo turístico no laranjal de Santa Clara
Autor: Sousa, Jennifer Machado de
Orientador: Fabião, Henrique Jorge Gonçalves
Palavras-chave: Arquitectura
Turismo
Data: 19-Mai-2017
Resumo: Resumo: O turismo tem sido apontado como um dos grandes fatores de desenvolvimento da cidade do Porto. Porém, esta apropriação da cidade pelo turismo expôs as suas contrapartidas, subjugando, em alguns casos, a autenticidade e a identidade da própria cidade. Para a elaboração desta dissertação consideramos relevante a discussão em torno da relação arquitetura e turismo na cidade do Porto e, nesse sentido, realizamos uma reflexão crítica sobre a seguinte problemática: a relação existente entre arquitetura e turismo é estratégica, ou seja, desenha um programa comum: ou, em alternativa, não passa de uma relação pontual, com projetos específicos? Colocando a questão de uma forma mais simples, a relação que existe atualmente entre arquitetura e turismo é sustentável ou insustentável? É iniludível que a relação entre a cidade do Porto e o turismo é para durar. No entanto, é necessário estabelecer regras, para que haja uma coexistência benévola. O desafio passa pela utilização da cidade pelo turismo, desde que este promova o seu desenvolvimento a longo prazo, assente em critérios de verdade, qualidade e viabilidade, preservando sempre a sua autenticidade e identidade. Os benefícios desta correlação devem resultar no desenvolvimento social, conferindo uma melhoria da qualidade de vida dos seus habitantes.
Tourism has been identified as a one of the major factors of development in Porto’s city. However, this appropriation of the city by tourism has its counterparts, suppressing, in some cases, the authenticity and the identity of the city itself. For the elaboration of this dissertation we consider relevant the discussion around the relationship between architecture and tourism in the city of Porto and, in this extent, we performed a critical reflection on the following problem: the relationship between architecture and tourism is strategic, in other words, establishes a common program: or, alternatively, it’s only a punctual relationship, with specific projects? Asking the question in a simpler way, the relationship that now exists between architecture and tourism is sustainable or unsustainable? It is obvious that the relationship between the city of Porto and tourism is to last. However, it is necessary to establish rules so that there is a benevolent coexistence. The challenge goes through the use of the city by tourism, since this promotes their long-term development, based on principles of truth, quality and viability, preserving its authenticity and identity. The benefits of this correlation should result in social development, providing a better life quality for its inhabitants.
Descrição: Mestrado Integrado em Arquitectura
Exame público realizado em 06 de Abril de 2017
URI: http://hdl.handle.net/11067/3304
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULF-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mia_jennifer_sousa_dissertacao.pdf
  Restricted Access
Dissertação10,45 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.