Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/3051
Título: O preenchimento urbano como estratégia de rejuvenescimento dos vazios urbanos : Quarteirão do Seminário - Morro da Sé, Porto
Autor: Bessa, João Tiago Sampaio
Orientador: Nápoles, Ana Paula Freitas Vasco dos Santos de
Palavras-chave: Arquitectura
Planeamento urbano
Vazios urbanos
Porto (Portugal)
Data: 24-Mar-2017
Resumo: A presente dissertação de Mestrado Integrado em Arquitectura aborda o tema “O Preenchimento Urbano como Estratégia de Rejuvenescimento dos Vazios Urbanos”, reflectindo sobre a importância e o entendimento dos vazios urbanos. Estes espaços delicados fazem um apelo à imaginação, para preencher, conquistar e reconstruir, tendo em conta o contexto urbano em que se inserem. Um vazio urbano não se trata apenas de um local a preencher, mas também de um local portador de memórias do colectivo público, gerando espaços de expressão e troca de ideias, tornando-se assim, num local dinâmico de oportunidade urbanística. No entanto, os vazios urbanos não se resumem apenas ao preenchimento do espaço, trata-se, por vezes, de locais esquecidos, degradados, mal concebidos, inacabados, mas que mesmo assim conseguem ter muito valor e potencial para uma possível reconstrução. Estes espaços aguardam o enquadramento na cidade, tornando-a assim, mais apelativa e menos previsível. Desta forma estes espaços vazios tornam a cidade mais dinâmica e convidativa ao serem reconstruídos. Os vazios urbanos são espaços à espera de uma intervenção, que valorize o local e o torne cheio de momentos. Estes espaços tornar-se-ão pontos de inovação e mudança, baseados em novos conceitos que se encontram ao longo da malha urbana. A cidade do Porto, designadamente o Quarteirão do Seminário no Morro da Sé, serve de base para a realização do caso de estudo, na tentativa de descobrir recursos para os problemas de degradação existentes nessa área. Assim, é necessário pensar nos vazios urbanos e nas suas relações com a cidade, construindo um planeamento mais apropriado para os espaços.
This Master dissertation in Architecture addresses the theme “The Urban Fill as a Strategy to Rejuvenate the Urban Voids", reflecting on the importance of the urban voids and understanding them. These delicate spaces make an appeal to the imagination, to fill, conquer and rebuild, taking into account the urban context in which they are inserted. An empty city is not just a place to fill, but also a place that holds memories of the community, generating spaces of expression and exchange of ideas, becoming a dynamic place for urban opportunities. However, the urban voids are not limited only to fill the space, they are, sometimes, forgotten locations, degraded, badly designed, unfinished, but still very powerful and have the potential for a possible reconstruction. These spaces await their framing in the city, making it more appealing and less predictable. This way, these empty spaces make the city more dynamic and inviting by being reconstructed. The empty urban spaces are waiting for an intervention that enhances the site and become full of moments. These spaces will become spots of innovation and change, based on new concepts that lie along the urban fabric. The city of Oporto, particularly the Quarteirão do Seminário at the Morro da Sé, serves as a basis for the case study, in an attempt to find resources for the degradation problems existing in this area. Thus, it is necessary to think about these urban voids and in its relations with the city, building a more appropriate planning for spaces.
Descrição: Mestrado Integrado em Arquitectura
Exame público realizado em 26 de Fevereiro de 2014
Revisão por Pares: no
URI: http://hdl.handle.net/11067/3051
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULF-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
381_mia_joao_bessa_dissertacao.pdf
  Restricted Access
Dissertação13,03 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.