Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/3026
Título: O projecto moderno hoje : um olhar a partir da obra de Fernando Távora
Autor: Varão, Vítor José Sousa Lopes
Orientador: Santos, Carlos Manuel de Jesus
Palavras-chave: Modernismo
Arquitectura Portuguesa
Data: 23-Mar-2017
Resumo: Com esta dissertação procurei desenvolver uma reflexão crítica sobre o projecto Moderno, a partir de uma leitura que se fez a partir da obra do arquitecto Fernando Távora. Nesta perspectiva, teria então de ser capaz de reproduzir, não a totalidade, mas uma verdade possível dentro de um trajecto construído, captando aí, não só momentos de desenvolvimento particulares e concretos da obra do autor, mas também aquelas que pudessem ser as grandes ideias, que de alguma forma fossem demonstrativas de um Fernando Távora (1923-2005) por mim construído. Cruzamento difícil, este de relacionar a história, com significados moldados pelo tempo e não por um juízo de gosto que, sendo claramente mais fácil, nunca constituiu sossego. Do juízo de gosto, mais ou menos evidente em momentos desse percurso projectual, procurei decididamente afastar-me e reservá-lo apenas para o momento da eleição do tema. Decisivo e complexo seria a gestão de um juízo de valor. Assim, apostado em defender e criticar posições fundamentais dessa arquitectura, tentei construir sobretudo um itinerário intelectual. Daí que, as obras seleccionadas, não foram expostas e estudadas por ordem cronológica, mas principalmente por critérios necessário para a sua compreensão. A visita aos diferentes edifícios, instantes que não procuraram somente um conhecimento teórico, mas também as vivências necessárias para percorrer a obra de Távora através da palavra, ou a palpitante realidade física da sua arquitectura enxertada na paisagem. A obra em directo deste arquitecto, cuja experiência simultaneamente revela e oculta as suas marcas mais profundas, educa o olhar do observador sensível. Lenta mas constantemente, ilumina-o sobre o processo a partir do qual se decanta o acervo cultural do arquitecto e a idiossincrasia do lugar expressa na narração que acompanha as suas criações desenhadas e construídas. Estes foram os passos iniciais para entender o fascinante legado do arquitecto. Távora encarna o mito do descobridor português que se debate constantemente entre a tradição do lugar e a técnica que brinda o progresso, entre as condições do espaço existencial e as significativas conquistas do pensamento moderno, entre a linguagem do território e da natureza e o da criação humana, compreendendo que se encontra destinado a forjar e perseguir um acordo positivo entre ambos os mundos, como fizeram alguns dos pioneiros do Movimento Moderno.
With this thesis I tried to develop a critical reflection on the project Modern, from a reading that was made from the work of the architect Fernando Tavora. In this perspective, it would then be able to reproduce, not all, but a truth possible within a path built, capturing therein, not only moments of private development and the concrete work of the author, but also those that could be the major ideas, that somehow were demonstrative of a Fernando Tavora (1923-2005) built for me. Crossing difficult, this relate to the story, with meanings shaped by time and not by a judgment of taste that, is clearly easier, never constituted quiet. The judgment of taste, more or less evident in moments of this project-oriented course, looked decidedly away from me, and reserve it just for the moment of the election theme. Would be decisive and complex management of a value judgment. So, stake in defending fundamental positions and criticize this architecture, i tried to build an itinerary mainly intellectual. Hense, the selected works, were not exposed and studied in chronological order, but mainly criteria necessary for their understanding. A visit to different buildings, moments that not only sought a theoretical kno¬wledge, but also the experiences necessary to translate the work of Fernando Távora through the word, or throbbing physical reality of its architecture grafted into the landscape. The work of this architect live, whose experience simultaneously reveals and conceals its brands dee¬per,educates the viewer’s gaze sensitive. Slowly but steadily, enlightens them about the pro¬cess from which decants the cultural heritage of the architect and idiosyncrasies of the place expressed in the narration that accompanies your creations designed and built. These were the first steps to understanding the fascinating legacy of the architect. Tavora embodies the myth of the Portuguese discoverer constantly struggling between tradi-tion and the place that offers technical progress, between the conditions of existential space and the significant achievements of modern thought, between the language of the territory and nature and the creation of human, understanding that is intended to forge and pursue a positive agreement between both worlds, as did some of the pioneers of the Modern Movement.
Descrição: Mestrado Integrado em Arquitectura
Exame público realizado em 13 de Fevereiro de 2014
Revisão por Pares: no
URI: http://hdl.handle.net/11067/3026
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULF-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
373_mia_vitor_varao_dissertacao.pdf
  Restricted Access
Dissertação35,68 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.