Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2756
Título: A violência num contexto de intimidade : o silêncio de quem quer ter voz
Autor: Hespanhol, Joana Nogueira Regueiro Pinto
Palavras-chave: Psicologia
Psicologia clínica
Violência
Intervenção psicológica
Consulta psicológica
Prevenção
Data: 7-Fev-2017
Resumo: O presente relatório surge da necessidade de descrever e refletir sobre o trabalho desenvolvido ao longo do estágio curricular realizado no âmbito do Mestrado em Psicologia Clinica da Universidade Lusíada do Porto. O estágio realizou-se no Gabinete de Apoio à Vítima do Porto (GAV), um dos Gabinetes da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV). Este decorreu de Abril a Dezembro de 2011 com a orientação da Dra. Marlene Fonseca, Assessora técnica do GAV do Porto e a supervisão da Professora Doutora Ana Meireles da Universidade Lusíada do Porto. Quando passamos de um contexto de teoria e aprendizagem metodológica para a prática, muitas questões se levantam, nomeadamente sobre a capacidade e preparação para o início da profissão. Este trabalho pretende fazer uma apresentação do processo de crescimento e aprendizagem a nível profissional dando a conhecer alguns dos casos de acompanhamento clínico, avaliação e intervenção terapêutica desenvolvida no ambito dos mesmos, assim como as acções de sensibilização desenvolvidas. Para os enquadrar, pretende também fazer uma abordagem sobre a própria instituição de estágio e todas as atividades e funções de um psicólogo no GAV do Porto. Ao longo do estágio foi clara a aquisição de competências e conhecimentos sobre as problemáticas existentes na APAV que se tornou indispensável para o exercício da atividade no GAV, assim como numa futura vida profissional. Assim, e para que se perceba melhor essas problemáticas e tudo o que as envolve, este relatório encontra-se dividido em três capítulos distintos, mas que se complementam. O primeiro capítulo refere-se ao enquadramento geral, onde contextualizaremos o trabalho desenvolvido, através de uma pormenorizada caracterização da instituição, mostrando também alguns dados estatísticos para conseguirmos perceber melhor o seu importante papel no país. Fazemos também uma breve descrição do papel do psicólogo clínico na APAV, utilizando algumas considerações de cariz ético. Este Capítulo conclui-se com um breve enquadramento teórico das problemáticas mais comuns do GAV. O segundo capítulo é dedicado às atividades desenvolvidas no decurso do estágio, nomeadamente as reuniões de supervisão e orientação, as consultas de psicologia, assim como as ações de sensibilização, tão importantes numa altura que se valoriza tanto a prevenção. O terceiro capítulo é dedicado a uma reflexão final de todo o estágio e atividades inerentes ao mesmo, assim como à importância das mesmas para um futuro percurso profissional.
URI: http://hdl.handle.net/11067/2756
Tipo de Documento: Relatório
Aparece nas colecções:[ULP-IPCE] Relatórios

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatorio de estagio.pdf14,37 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.