Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2732
Título: Arquitetura e o restauro : analogias arquitetónicas entre o Convento das Bernardas e o Politeama do Lago di Como
Autor: Puga, Andreia Cristina Rodrigues, 1986-
Orientador: Ferreira, Maria de Fátima Lino, 1967-
Palavras-chave: Arquitectura - Conservação e restauro
Edifícios hstóricos - Conservação e restauro
Convento das Bernardas (Tavira, Portugal)
Politeama (Como, Itália)
Data: 31-Jan-2017
Resumo: O Restauro de edifícios antigos tem vindo a alcançar uma crescente importância ótica, histórica e construtiva, que simultaneamente, se relaciona com a necessidade de impulsionar a preservação do património arquitetónico. Trata-se, assim, de uma atividade com uma carga potencial bastante interessante para os arquitetos e construtores. No que concerne ao estudo dos edifícios antigos, considera-se um tema que cada vez mais apresenta um interesse crescente, dada a evidente importância que tem vindo a ser atribuída ao Restauro do património construído. Cada vez mais o património engloba, não só edifícios monumentais (palácios, igrejas, conventos),como também, edifícios habitacionais, industriais e comerciais, que ajudam a entender e a representar a forma como, ao longo do tempo, o homem se organizou, viveu e trabalhou. Deste modo, o património construído, contem, em si mesmo, parte da história do homem, história que se pretende preservar, e restaurar, tornando-se a memória que se pretende manter viva com o desenrolar do seculos seguintes. No âmbito do programa da cadeira de projeto do 5º ano de arquitetura do Politécnico Bovisa de Milão, o Lago di Como foi eleito como cenário de possíveis intervenções. O Politeama foi o edifico escolhido para a realização de um espaço cultural, onde o carácter clássico está ligado e marcado fortemente pela presença dos diversos edifícios que se encontram subjacentes, o que permite uma leitura visual, que estimula fortemente a vida e vivencia do local. A presença visual que o edifício estabelece com o envolvente, constitui a principal caraterística para esta intervenção de restauro, contribuindo deste modo, para a escolha da presente dissertação, onde o significado de restauro e de conservação contrasta bem como, entra em oposição com a alteração funcional, absorvido pela alteração interior do edifício. O Restauro, pode ser entendido como a relação intrínseca entre o clássico e o contemporâneo, conduzindo-nos a vários acontecimentos evolutivos da história da arquitetura. Leva-nos a conhecer diversas opiniões, diversas técnicas e diversos materiais para se fazer arquitetura conjugando caraterísticas opostas, e assim, mostra-nos os diversos pragmatismos que tanto o edifício pode vir a sofrer, bem como o próprio arquiteto pode vir a ter. Visto considerar-se um tema bastante opinioso e cada vez, mais importante para a contribuição da história da arquitetura, como um marco crucial para o desenvolvimento das descobertas, Restauro/ Conservação/ Património Cultural, são as palavras-chave utilizadas na realização deste estudo, como as palavras, essenciais para a sua elaboração. É nesta base de pensamento que se irá justificar e apresentar duas obras arquitetónicas, numa tentativa de aproximação, que constituirá o tema da presente dissertação, cuja intenção é limitar, descrever, mas e acima de tudo, comprovar.
Descrição: Dissertação de mestrado integrado em Arquitectura, Universidade Lusíada de Lisboa, 2013
Exame público realizado em 29 de Janeiro de 2014
URI: http://hdl.handle.net/11067/2732
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mia_andreia_puga_dissertacao.pdfDissertação10,28 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.