Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2624
Título: Psicologia clínica em contexto forense : instituição de apoio a reclusos e ex-reclusos
Autor: Gomes, Jessica Sofia Catunheira, 1993-
Orientador: Simão, Vanda Cristina Nunes Franco, 1971-
Cabrita, Túlia Rute Maia, 1972-
Palavras-chave: Ex-prisioneiros - Psicologia
Psicologia clínica - Prática profissional
O Companheiro - Ensino e estudo (Estágio)
Data: 9-Jan-2017
Resumo: O trabalho apresentado é referente ao estágio académico desenvolvido na Instituição Particular de Solidariedade Social “O Companheiro” – Associação de Fraternidade Cristã. A instituição apoia sujeitos reclusos, ex-reclusos e as suas famílias, numa perspetiva de integração psico-socio-laboral. O trabalho desenvolvido com esta população foca-se na reabilitação, esta tem um carácter educativo em detrimento de um punitivo, trabalhando com as famílias contra a discriminação. A prevenção primária deve tomar lugar aquando da existência de fatores de risco, uma vez que pretende ser eficaz na redução da delinquência. No desenvolvimento do documento são abordados temas teóricos relacionados com a intervenção do psicólogo clinico ao nível forense, relacionados com o impacto da reclusão no sujeito e na sua rede de suporte, os fatores de risco e fatores protetores aos comportamentos desviantes, o risco de reincidência, a prevenção e a reabilitação. São discutidos dois casos clínicos, uma avaliação psicológica e um acompanhamento psicológico. Casos cujo seguimento foi efetuado no local de estágio. É elaborada uma discussão para cada um dos casos e uma conclusão global acerca do desenvolvimento desviante, desenvolvimento este que pode ser verificado em sujeitos sem fatores de proteção e integrados um ambiente disfuncional, como exemplos disso são os dois casos apresentados. Concluísse no presente trabalho, a importância de um acompanhamento ao nível da reinserção, para a adaptação dos sujeitos em sociedade ser feita de forma saudável, em termos de relações interpessoais, familiares, sociais e ao nível laboral. O enfoque na prevenção primária deve reunir os profissionais que trabalham com crianças e jovens de risco, de modo a neutralizar comportamentos antissociais futuros.
Descrição: Relatório de estágio realizado no âmbito do mestrado em Psicologia Clínica, Universidade Lusíada de Lisboa, 2016
Exame público realizado em 13 de Dezembro de 2016
Por razões éticas e deontológicas, o documento apenas se encontra disponível parcialmente.
URI: http://hdl.handle.net/11067/2624
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULL-IPCE] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mpc_jessica_gomes_dissertacao.pdfDissertação471,32 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.