Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2525
Título: Objecto pré-existente, e sua representação, como metodologia para a síntese artística do conhecimento : uma resposta à poluição visual
Autor: Salvador, Rita Isabel Nunes, 1982-
Orientador: Braizinha, Joaquim, 1944-
Justo, José Manuel Mata, 1955-
Ramos, Maria da Conceição Fernandes, 1960-
Palavras-chave: Educação visual
Arte - Estudo e ensino
Escola Secundária Maria Amália Vaz de Carvalho (Lisboa, Portugal) - Ensino e estudo (Estágio)
Data: 13-Jul-2016
Resumo: Neste documento desenvolve-se a temática da reabilitação de um objecto e sua representação em aula como metodologia artistica e didáctica para desenvolver a capacidade de sintese do conheçimento do aluno de artes visuais e propôr assim uma resposta à poluição visual. A poluição visual, segundo alguns estudos, define-se como o excesso de informação visual sem estrutura ou sem função organizativa humana, provocada pela pouca capacidade de síntese do conhecimento. Estudos apontam também a possibilidade de resolver este problema urbano ao nível didático ou escolar sobretudo em escolas de localizadas em meio urbano e em cujos alunos se confrontam diariamente com o excesso de poluição visual. Esta ideia propõe uma arte direcionada às necessidades preceptivas humanas, estruturando-as, em relação ao ambiente através do especto visual promovendo um conceito de ecologia visual. Para definir o tema proposto, o exercício de estágio aconteceu na Escola Secundária Maria Amália Vaz de Carvalho, que constituiu o exemplo de objeto pré-existente de valor arquitetónico e urbano passível de ser integrado num exercício didático elaborado a partir da disciplina de Desenho A. O objeto, de carácter arquitetónico, propõe naturalmente aos alunos uma reflexão sobre a vida real e sobre as necessidades humanas, naturalizando o seu processo de síntese artística. O relatório apresenta uma importante referência às metodologias necessárias à perceção e verificação do tema, quer ao nível pedagógico, quer ao nível da recolha de dados integrada na organização do exercício. Desenvolve-se, com isto, a importância da tarefa e gestão do professor na escolha do objeto pré-existente adequado e da metodologia adequada para o integrar num exercício didático.
Descrição: Relatório de estágio realizado no âmbito do mestrado em Ensino de Artes Visuais no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário, Universidade Lusíada de Lisboa, 2014
Exame público realizado em 30 de Janeiro de 2015
URI: http://hdl.handle.net/11067/2525
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULL-IPCE] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
meav_rita_salvador_dissertacao.pdfDissertação2,77 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.