Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/242
Título: A influência do cinema na arquitectura europeia: dos anos 10 aos anos 30 do século XX
Autor: Henriques, Susana Maria Tavares dos Santos, 1970-
Orientador: Soares, Maria João dos Reis Moreira, 1964-
Palavras-chave: Cinema e arquitectura - Europa - Século 20
Cinema - Cenários
Arquitectura europeia - Século
Data: 4-Mar-2013
Resumo: A presente investigação para elaboração de tese de doutoramento, tem como objectivo estudar a influência do cinema Europeu, na arquitectura Europeia no início do século XX, entre os anos 10 e 30. Ao nível espacial, formal, conceptual, técnico e social, a arquitectura vive a entrada do século XX em grande transformação. Inerente à sua própria condição, é indiscutível a relação da arquitectura com as grandes revoluções do século XIX e início do século XX. Se por um lado, o início do século XX mostra a arquitectura como uma arte consolidada sempre em expansão e evolução, por outro, mostra o cinema como uma arte emergente. Na passagem do século XIX para o século XX o cinema ainda embrionário, demonstra, primordialmente, o modo como o movimento expresso pela imagem na tela cria emoções. A entrada no século XX vai conduzir, no entanto, o realizador à procura de uma narrativa - numa articulação entre a forma e o conteúdo. Abre-se um universo de possibilidades na afirmação de uma identidade e conceptualização próprias do cinema. Deste modo, o cinema afasta-se da representação teatral e constrói o seu próprio percurso. O universo da arquitectura do início do século XX é pautado principalmente por reformulações conceptuais e técnicas, que se traduzem espacial e formalmente na sua concretização. Os arquitectos, atentos às sucessivas transformações da sociedade, em que se inserem, reformulam noções, ideais e conceitos estabelecendo o rumo para uma nova arquitectura. No sentido de focar a investigação procuraram-se obras de arquitectura que, durante a pesquisa, se elegeram como exemplos dessa influência. Villa Noailles, de Robert Mallet-Stevens, Villa Savoye, de Le Corbusier e Villa Müller, de Adolf Loos, foram eleitas como casos de estudo. Na análise in loco das obras arquitectónicas eleitas, estabeleceram-se relações com: o visionamento de filmes emblemáticos – relacionados directamente com as obras acima mencionadas –; leituras de obras bibliográficas de referência e de textos escritos por arquitectos da época – nomeadamente os arquitectos autores das obras acima referidas. É este olhar sobre a arquitectura e a influência do cinema que este estudo visa testemunhar.
Descrição: Doutoramento em Arquitectura
Exame público realizado em 12 de Dezembro de 2012
URI: http://hdl.handle.net/11067/242
Tipo de Documento: Tese de Doutoramento
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] Teses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
da_susana_henriques_tese.pdfTexto integral78,68 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.