Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/2110
Título: Avaliação do impacto a longo prazo do programa de promoção de competências sociais e emocionais "Crescer a brincar" nos comportamentos disruptivos de internalização e externalização
Autor: Pinheiro, Paulo Jorge Moreira
Orientador: Moreira, Paulo Alexandre Soares
Palavras-chave: Psicologia Clínica
Psicologia da Educação
Motivação (Psicologia)
Vida afectiva
Vida cognitiva
Desenvolvimento e capacidades mentais
Educação
Psicologia
Data: 5-Abr-2016
Resumo: A promoção de competências sociais emocionais tem-e revelado um factor importante ao nível do desenvolvimento de algumas variáveis que têm sido alvo da atenção da comunidade cientifica e escolar. Pouco se sabe acerca do impacto a alongo prazo (mais de 12 meses após o término da investigação) da promoção de competências sociais e emocionais nos comportamentos disruptivos de internalização e extenialização. O estudo realizado englobou um total de 141 alunos, O grupo experimental foi constituído por 31 alunos, o grupo de controlo por 110 alunos. Os resultados apresentados, revelaram existir diferenças estatisticamente significativas. O grupo-alvo desta investigação apresentou valores significativamente mais baixos no grupo experimental do que no grupo de controlo ao nível das escalas: Problemas afectivos, Ansiedade/Depressão, Problemas de Atenção, Comportamentos Oposicional-desafiantes e Total de problemas. Estes resultados sugerem que o programa de Competências Sociais e Emocionais tem um impacto positivo em algumas dimensões de comportamentos de internalização, quatro anos após o término da intervenção.
Abstract: Promoting of social and emotional competence have revealed an important factor in the development level of some variables that have been addressed in the scientiflc community school.little is know about the impact the long term (more than 12 month after the investigation) the promotion of social and emotional skills in disruptive internalizing and extemalizing behaviors The study encompassed a total of 141 students. The experimental group consisted of 31 students, the control group of 110 students. The results revealed statistically significant differences between the experimental and the control group on some dimensions of disruptive internalizing behaviors and in the total problems scale. Specifically, the experimental group registered lower scores on the scales of anxiety/depression, attention problems, and on the total problems scale. These results suggest that the “Crescer a Brincar / Growing up Playing” - a programme for the promotion of social and emotional skills in elementary school children - has a positive longterm impact on some dimensions of disruptive behaviors, four years after the end intervention.
Descrição: Exame público realizado em 03 de Março de 2012.
Dissertação de mestrado realizada no âmbito do Mestrado em Psicologia Clínica.
URI: http://hdl.handle.net/11067/2110
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULP-IPCE] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao de mestrado.pdf
  Restricted Access
Dissertação de mestrado2,66 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.