Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11067/1639
Title: O Porto também é nome de arquitecto
Author: Ribeiro, Luís Filipe Maciel Mendes
Advisor: Diogo, Maria do Nascimento Xavier
Rapagão, João Paulo Menezes Dias Pereira
Keywords: Arquitectura modernista
Arquitectos portugueses
Arquitectura contemporânea
Issue Date: 2011
Abstract: Resumo: Como sabemos pela história, no início do séc. XX em Portugal o Modernismo vai-se implementando a vários níveis, em especial na arquitectura. Nesta época, alguns arquitectos ganharam notoriedade na nossa sociedade, e um deles foi o arquitecto José Porto, bolseiro no estrangeiro, percorrendo um caminho muito peculiar, e consequentemente um nome importante na arquitectura Portuguesa. Ã? nossa intenção contribuir para a divulgação do melhor da sua obra, tendo presente a sua dimensão vivencial que foi muito rica e diversa, pelos contactos envolventes com outras gentes e culturas. Na elaboração deste trabalho, e para melhor conhecer a sua obra e personalidade, recorreu-se a publicações existentes e o contacto directo com pessoas que se relacionaram com o arquitecto Porto. As opções tomadas na requalificação da Oficina Fontes (no âmbito da disciplina de Projecto III), exemplo do trabalho em pequena escala, foram fundamentadas e mostram os conhecimentos retirados da análise ao percurso do arquitecto. Como princípios a seguir, houve o cuidado de conjugar diferentes materiais e adicionar novos volumes, respeitando os jogos geométricos e as relações com o Largo da Torre. Tendo em consideração, que o ecletismo e a experimentação são características muito marcantes na sua obra, idealizou-se uma proposta correspondendo às pretensões das pessoas locais para a elaboração do Núcleo Museológico de Vilar de Mouros.
Abstract: As we know from history, in the beginning of the 2Oth century, Modernism in Portugal was put into practice in various spheres, especially in architecture. At that time, some architects gained recognition in our society, such as the architect José Porto who held a scholarship abroad, having gone a very peculiar way, yet a key name in the Portuguese architecture. It is our purpose to contribute to disseminating the best of his toil, bearing in mind the empirical dimension which was very rich and diverse, a result of the contacts with other peoples and cultures. In preparing this report, and to better comprehend his work and personality, we used the existing publications and direct contact with people who were related to him. The choices made in the redevelopment of the Fontes Workshop (according to the subject Project III), an example of a small-scale work, were based on and show the knowledge taken from the analysis of the architects career. As principles to be followed, we took care in combining different materials and adding new volumes, respecting the match and geometrical relations with the Largo da Torre. Taking into consideration that eclecticism and experimentation are very prominent features in his work, we set up a proposal resulting in the local people's desires in putting together the Vilar do Mouros a museum site.
Description: Dissertação de mestrado apresentada em 30 de Março de 2011.
URI: http://hdl.handle.net/11067/1639
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:[ULP-FAA] Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de mestrado.pdf321,47 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.