Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/1611
Título: Viagens de arquitectura : o Panteão de Roma e o museu La Congiunta
Autor: Bencheci, Natalia, 1988-
Palavras-chave: Arquitectura - Estética
Criatividade
Percepção
Data: 10-Set-2015
Descrição: A experiência arquitectónica é sempre uma experiência estética quando esta tem a capacidade de nos emocionar profundamente. Os níveis de emoção estética passa pela sensibilidade sobre os acontecimentos espaciais únicos e, igualmente, pela intelectualização dessa mesma experiência. A arquitectura constitui e fala-nos de significados, de ideias. Poderíamos falar da arquitectura enquanto referência cultural dominando a paisagem ou adoçando-se estrategicamente a ela; a arquitectura enquanto imagem dos desejos e sonhos do próprio homem. Experienciar arquitectura implica estar atento ao que se vê, mas também provocar conscientemente e conduzir o nosso corpo à experiência. Implica questionar como vivemos um edifício, o que pretendemos extrair desta experiência. Como este se relaciona com o seu entorno e o porque disto; como entramos na arquitectura e que sensações produz em nós; como se materializam os seus limites e como comunica com o exterior ou com a sucessão de outros tantos espaços. Onde é que os nossos sentidos tendem a concentrar-se? Como é a luz e o som que gera? O que apela ao tacto, ao cheiro? Assim, segundo Jesús Ma Aparicio Guisado, os edifícios tornam-se a primeira fonte de conhecimento da arquitectura. Esta fonte não se esgota apenas na compreensão material de um edifício enquanto objecto, mas apresenta-se, sobretudo, enquanto porta que se abre ao mundo do pensamento e da interpretação. A arquitectura deve ser capaz de criar atmosferas e vivências transversais ao tempo. O homem vive de conforto e qualidade e esta relação secular do homem com o espaço arquitectónico busca, incessantemente, o diálogo e a procura do Belo. A arquitectura deve ser capaz de constituir lugares em que o homem possa habitar poeticamente.
URI: http://hdl.handle.net/11067/1611
ISSN: 1647-9009
Tipo de Documento: Artigo
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] RAL, n. 5 (1.º semestre 2014)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ral_5_5.pdf16,21 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.