Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/1599
Título: A intervenção do quarteirão das Cardosas : Sociedade de Reabilitação Urbana - Porto Vivo S.A.
Autor: Mesquita, Paulo Alexandre Nelas, 1979-
Orientador: Antunes, Alexandra Paula de Carvalho, 1971-
Palavras-chave: Renovação urbana - Portugal - Porto
Palácios - Conservação e restauro - Portugal - Porto
Palácio das Cardosas (Porto, Portugal)
Porto Vivo - História
Porto (Portugal) - Edifícios, estruturas, etc.
Data: 30-Jul-2015
Resumo: Nas últimas décadas existiram inúmeros programas de apoio à reabilitação, tendo surgido em 2004 as Sociedades de Reabilitação Urbana (SRU), instituídas pelo Decreto-Lei nº 104/2004, de 7 de Maio, que aprova um regime excepcional de reabilitação urbana para as zonas históricas e áreas críticas de recuperação e reconversão urbanística. Foi neste enquadramento legal que foi criada a Porto Vivo, SRU, englobando na sua zona de intervenção prioritária o Centro Histórico do Porto, classificado como Património da Humanidade pela UNESCO em 1996. No presente trabalho irá analisar-se a Intervenção no quarteirão das Cardosas, uma obra a cargo da Porto Vivo, SRU, inserida numa zona nevrálgica da cidade do Porto. Para melhor compreensão do seu enquadramento histórico, pesquisou-se a génese deste quarteirão, revelando-se ainda a história da conversão do Convento dos Lóios no Palácio das Cardosas. Enquanto edifício âncora do quarteirão, o Palácio das Cardosas, agora Hotel Intercontinental, será alvo de análise mais detalhada, caracterizando-se a sua construção e apresentando-se as principais dissonâncias arquitectónicas e anomalias identificadas. Como metodologia de reflexão sobre esta intervenção no Quarteirão das Cardosas, longe de consensual pelas suas opções estratégicas, procuraram-se fontes de informação de índole credível, identificando os intervenientes e entidades que se têm debruçado sobre o tema, obtendo-se assim todas as perspectivas. A intervenção realizada teve o desafio de encontrar o equilíbrio entre a necessidade de salvaguardar a autenticidade da área, enquanto procurava que a mesma correspondesse à estratégia de revitalização e reabilitação da baixa do Porto.
Descrição: Dissertação de mestrado integrado em Arquitectura, Universidade Lusíada de Lisboa, 2015
Exame público realizado em 27 de Maio de 2015
URI: http://hdl.handle.net/11067/1599
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] Dissertações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
mia_paulo_mesquita_dissertacao.pdfDissertação4,92 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.