Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/115
Título: Relações familiares, humor deprimido e comportamentos autodestrutivos em adolescentes
Outros títulos: Family relations, depressed mood and self-destructive behaviors in adolescents
Autor: Mesquita, Cristina
Ribeiro, Fátima
Mendonça, Liliane
Maia, Ângela
Palavras-chave: Depressão em adolescentes - Portugal
Adolescentes - Relações com a família
Comportamento de risco (Psicologia) na adolescência - Portugal
Data: 2011
Resumo: Na adolescência existe uma probabilidade aumentada de envolvimento em comportamentos de risco. O contexto familiar desempenha um papel preponderante na adopção destes comportamentos, sendo que um funcionamento familiar inadequado pode reflectir-se em sintomas depressivos, aumentando o risco de envolvimento em tais comportamentos. Os objectivos deste estudo incluíram avaliar a prevalência de um conjunto de comportamentos autodestrutivos em adolescentes, como automutilação e suicídio, os sintomas de humor depressivo e a qualidade do funcionamento familiar, analisando a relação das características do ambiente familiar com os sintomas depressivos e estes comportamentos. Os participantes são 408 adolescentes, com uma média de idades de 17.2 (DP=1.26). Os instrumentos utilizados incluem o Inventário de Depressão para Crianças e Adolescentes e o Questionário de História Familiar, e um conjunto de questões sobre comportamentos autodestrutivos. Os resultados revelam que os comportamentos autodestrutivos são frequentes, assinalando a adolescência como período crítico na sua manifestação. As características da família surgem relacionadas com o envolvimento em comportamentos autodestrutivos, tendo a relação com os pais maior influência. Os sintomas depressivos estão associados ao funcionamento familiar e aos comportamentos autodestrutivos. Os dados alertam para a necessidade de se intervir para promover a adopção de estilos de vida saudáveis. Será importante trabalhar com as famílias no sentido de melhorar as relações familiares, e com os adolescentes de modo a terem estratégias mais eficazes para lidar com situações inadequadas.(Cristina Mesquita... [et al.])
Descrição: Revista de psicologia da criança e do adolescente. - ISSN 1647-4120. - N. 3 (2011). - p. 97-109.
URI: http://hdl.handle.net/11067/115
ISSN: 1647-4120
Tipo de Documento: Artigo
Aparece nas colecções:[ULL-IPCE] RPCA, n. 3 (2011)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
rpca_n3_artigo_6.pdf218,9 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.