Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/11067/401
Título: E depois do inquérito à arquitectura regional portuguesa? : carta a Raul Lino
Autor: Neves, Rodrigo Reis Ollero das, 1940-
Palavras-chave: Lino, Raul, 1879-1974 - Crítica e interpretação
Arquitectura vernácula - Portugal - século 20
Data: 2010
Resumo: Nesta reflexão sobre o INQUÉRITO, como hoje é geralmente conhecido o trabalho realizado pelo SNA sobre a arquitectura popular portuguesa, e que veio à estampa em 1960, procura-se sublinhar aspectos que se consideram terem estado na sua origem, para além da sombra subliminar do pensamento de Raul Lino. Estas considerações tiveram por base a intervenção que se produziu aquando da mesa redonda "Entre o Erudito e o Popular, entre o Passado e o Presente", em Janeiro de 2007, enquadrada no ciclo de palestras realizadas no âmbito da Exposição "1950-2000: Cinquenta Anos Arquitectura e Urbanismo através da Obra de Francisco Silva Dias". O tema da palestra, que foi então sugestão do Professor Silva Dias, e que aqui se mantém por se entender continuar oportuno o seu sentido polémico, serviu de pretexto para abordar algumas questões emblemáticas sobre esta matéria, tais como a arquitectura regional, a identidade cultural na arquitectura, o popular e o erudito na arquitectura e os "Ecos do Inquérito", isto é, os reflexos que este acontecimento teve nalguns dos arquitectos mais representativos dos anos 60. (Rodrigo Ollero)
Descrição: Revista arquitectura Lusíada. - ISSN 1647-9009. - N. 1 (2.º semestre 2010). - p. 39-52.
URI: http://hdl.handle.net/11067/401
ISSN: 1647-9009
Tipo de Documento: Artigo
Aparece nas colecções:[ULL-FAA] RAL, n. 1 (2.º semestre 2010)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ral_1_04.pdfTexto integral185,73 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.